Os Presentes de Natal!

dezembro 23, 2008

Só lembrando que nem todos os presentes são bons, ok?

Não postei mais ontem porque a internet aqui está uma PORCARIA, não para de cair, e foi o primeiro presente. Já liguei sem parar para o provedor, que eu não vou fazer propaganda de tão ruim que é, gritando com eles.

Mas agora ela voltou e eu posso postar, finalmente. Ontem à tarde, fui ao shopping encontrar com Camila, Gabi, Wallace, Andréa, Mariana e Lucas! Lucas Camarotti, que mora em São Paulo, e veio passar as férias aqui conosco: segundo presente :D!

A gente primeiro foi comer na Subway (mais precisamente, eu fui comer) e depois comprar mais dois presentes de Natal na Saraiva MegaStore, um dvd de Batman – Cavaleiro das Trevas e o livro Os Contos de Beedle, O Bardo, da J.K. Rowling! Estão embrulhados, prontos para serem depositados debaixo da árvore! Mais tarde eu fui provar roupas de rico na Zara, e, convenhamos, fiquei muito bem nelas! Haha! Fomos ainda na Pizza Hut, como as fotos abaixo revelam, e também na Chilli Beans, provar óculos!

Conversamos sobre amigos fuleiros, ciúmes, comida, falamos mal de alguns, e outras coisas lá… Hoje provavelmente estarei indo ao shopping para voltar à 1h da manhã de amanhã, se algum amigo meu for.

Ah… O detalhe mais importante da notícia, e é o quinto presente, não sei se bom ou ruim. Eu acho que eu estou me apaixonando… De novo. Não por Natália, é claro, essa pessoa é nova. Mas eu não vou dizer quem é; geralmente quando eu digo eu acabo mal. O pior é que eu acho que tem amigo próximo meu de olho nela também… Ou deve ser, como sempre, meu ciúme descontrolado. Lá vem minhas dúvidas de “Será que ela iria querer algo comigo?”, “Ela, com certeza, iria preferir alguém mais bonito e menos viajado que eu” e blá blá blá. Lá vou eu sofrer novamente… 😦

Então, acho que é só, certo? Aqui vão as fotos:


Back to the Pie!

dezembro 12, 2008

De volta à minha torta 😀

É, voltei, pela segunda vez… Acho que agora virou rotina deixar o blog de lado, mas é porque eu estive em provas, vestibular, brigas, etc. Então, não podia ficar atualizando! Mas agora que eu estou de férias fica mais fácil, certo?

Um resumão do que aconteceu:

Meu aniversário, com muitos e muitos amigos! A menina que eu gostava me recusou por um imbecil apelidado de “Rato” (só pra vocês terem uma idéia de como é imbecil). Tive algumas brigas com meus amigos mais próximos, mas agora já voltamos às graças… NÃO VOU MAIS PARA O SHOW DA MADONNA, e essa é a pior das notícias. Por falar nisso, ela chegou hoje no Brasil! Tá lá, se aproveitando dos prós do Copacabana Palace. Encontrei o Enock, depois de um ano de espera, na NOX, boate daqui de Recife, de surpresa! O Enock é dono do Oclumencia.com.br! Ah, fiz vestibular Seriado, minha prova foi mais ou menos, eu imaginei que fosse ser melhor… Mas, fazer o que certo? Thays tem me incentivado a continuar a escrever meu livro, e ele tá ficando bem legal agora que eu mudei a narrativa pra 1ª pessoa. Pedi também conselhos de escrita pra minha professora de redação, Regina.

Acho que é isso… Tem algumas coisas a mais, mas conforme eu for me lembrando, vou pondo você(s) a par!

De novo, e de novo

junho 10, 2008

Sinceramente, eu às vezes me pergunto de onde eu tiro forças pra permanecer em pé. A resposta vem me contando que é por causa que tem gente sofrendo problemas maiores que os meus. Mas ela ainda me fala que isso continua sendo um problema.

Além de eu ter brigado com Carlos, como se não bastasse, eu ouço ele falando com Marcelo, Matheus, Jack e Lira:

“E a gente volta quando?”

A resposta foi que voltavam mais ou menos dia 24. Eu estranhei, porque esses quatro iam para Monteiro – PB, pra onde não me chamaram afirmando não ter vagas nos carros. No entanto, me lembrei que o Jack tinha falado algo sobre não poder ir por causa do chinês, então supus que Carlos fosse viajar no lugar dele.

Mais tarde, na academia, fui perguntar ao Jack se Matheus tinha chamado Carlos. Ele respondeu que sim. E eu perguntei “E tu não vai mesmo não é?”; a resposta foi: “Vou sim! Consegui adiar a aula de chinês!”.

Se ele tivesse visto o que eu senti por dentro, talvez ele entendesse porque depois eu tava com uma cara de desapontamento. Caso você não seja um menino, coloque-se sendo um:

Imagine que suas férias começam no dia 20, e você tem cinco amigos que você considera os melhores, que são os que saem com você e que você vive chamando pra sua casa, seja pra passar o dia, seja pra dormir. Então, você descobre que quatro vão viajar JUNTOS para uma granja, passar 4 dias lá incluindo as festas de São João, enquanto você está aqui, preso. Você sabe que eles estão se divertindo muito, rindo de se acabar, ficando com mil garotas. E você, continua preso aqui. Imagine ainda que uma vaga aparece e eles não te chamam, chamam mais outro. Agora, todos os 5 vão viajar e você não tem nem alternativa pra sair. Como você se sente?

É como eu venho me sentindo.

Vocês, vocês sempre tem a razão
De novo, e de novo eu sinto isso…
Não sei por que me preocupo em tentar ser igual.

Vocês parecem partir do sentimento
Que a lua gravita ao redor de vocês
E que as certezas convergem para vocês.

E eu sempre fui, sempre,
Fui alguém que chorava
Eu sempre fui alguém dado às lágrimas.

Mas eu NUNCA, jamais,
Fui alguém mentiroso.
Vocês mentiram todos esses anos…

Mas meu mundo são vocês, vocês são tudo pra mim
São meu ar, meu oxigênio, meus pulmões.
Me digam como eu vou sobreviver sem vocês?

Mas de algum jeito eu sobrevivo por dentro, sem desmoronar
Mesmo que vocês me roubem o ar que eu respiro
Algum jeito, que eu prefiro não saber qual é.